julho 4, 2022
Rua Cuiabá, 372, Centro - Camapuã/MS
Esporte

Hamilton nega reclamação sobre Russell pelo rádio no GP da Austrália

Quarto colocado no GP da Austrália nesta madrugada de domingo, Lewis Hamilton chegou perto de brigar pelo pódio, mas acabou prejudicado pelo safety car acionado por Sebastian Vettel. E ele ainda teria sido orientado pela Mercedes a “tirar o pé”, abrindo caminho para o primeiro pódio de George Russell com o time. O heptacampeão reclamou pelo rádio de ser deixado “em uma situação difícil”, mas negou que o comentário tenha criticado um possível favorecimento ao seu novo colega.

– Basicamente, eu não pude correr para brigar por uma posição porque o carro estava superaquecendo, por isso precisei recuar – explicou, sem dar detalhes da comunicação com a equipe.

O heptacampeão fez uma boa largada na prova e ganhou duas posições, indo da quinta para a terceira colocação, mas acabou superado por Sergio Pérez, da RBR. Ele ascendeu à vice-liderança provisória da prova no pit stop do rival, mas caiu para quinto ao fazer sua primeira troca de pneus.

Hamilton ainda seria ultrapassado uma segunda vez por Pérez, indo para o sexto lugar. Porém, sua tentativa de resposta foi minada pela batida de Sebastian Vettel, que convocou o carro de segurança na volta 24.

O heptacampeão tentou trilhar o caminho de volta às três primeiras colocações, mas enquanto Russell orbitava os líderes, Hamilton não conseguiu sair do quinto lugar, atrás do compatriota e colega – sem atacá-lo.

Lewis Hamilton no GP da Austrália da F1 2022 — Foto:  Clive Mason/Getty Images

Lewis Hamilton no GP da Austrália da F1 2022 — Foto: Clive Mason/Getty Images

Russell também precisou tirar o pé no fim da prova, coibido de atacar Pérez visando manter a integridade de seus pneus. Ainda assim, o britânico subiu uma posição com a quebra de Max Verstappen e conquistou seu primeiro pódio com a Mercedes, resultado celebrado por Hamilton.

– É um resultado incrível para nós como equipe. Estávamos a mais de 1s na sexta-feira. Fizemos um ótimo trabalho para nos classificar e depois uma ótima largada. Eu estava em terceiro e foi bom sentir que lutávamos por um pódio naquele momento. Obviamente, não conseguimos manter o ritmo das RBRs e, embora não tenhamos necessariamente melhorado o carro nessas três corridas, extraímos o máximo que pudemos em termos de pontos – opinou o heptacampeão.

O resultado fez Russell ocupar pela primeira vez na carreira a vice-liderança do campeonato de pilotos, com 34 pontos a menos que o líder Charles Leclerc. A Mercedes, também segunda colocada, conseguiu ampliar a vantagem sobre a rival RBR de um para dez pontos.

O próximo compromisso dos pilotos será o GP da Emilia-Romagna em Imola, no dia 24 de abril.

Leave feedback about this

  • Quality
  • Price
  • Service

PROS

+
Add Field

CONS

+
Add Field
Choose Image
Choose Video