julho 2, 2022
Rua Cuiabá, 372, Centro - Camapuã/MS
Esporte

Fortaleza vive noite de euforia e mostra força na Libertadores

Todo o elenco do Fortaleza tinha consciência do quanto a noite da última quarta-feira poderia ser histórica. Quando houve o sorteio dos grupos da Libertadores, o Leão sentiu o peso de enfrentar os tradicionais River Plate e Colo-Colo. Mas, quando a bola rolou, todos da América puderam ver a capacidade do time de Vojvoda.

Com a vitória contra o Colo-Colo, por 4 a 3, no Chile, o Leão garantiu, de forma inédita e histórica, a vaga às oitavas de final da Libertadores, passando com o River Plate. O Fortaleza terminou como segundo colocado do Grupo F. O River liderou.

Os torcedores do Leão que foram ao Chile não puderam entrar no estádio, mas estiveram no hotel antes do jogo passando energia positiva. Aqueles que ficaram em Fortaleza apoiaram de longe. Méritos de Vojvoda e do elenco, que souberam suportar também toda a pressão por conta da Série A do Brasileiro, onde é o lanterna, sem se abater na Libertadores.

Romero e Moisés marcam
Vojvoda escolheu Boeck como titular do gol. Foi a única surpresa na escalação, já que Max jogou contra o Fluminense. A bola rolou, e o Fortaleza já balançou as redes com Silvio Romero. Era tudo o que o time de Vojvoda precisava, um gol para dar tranquilidade nas ações. Moisés também teve oportunidade, mas chutou em cima de Cortés. Quando foi exigido, Boeck respondeu muito bem.

Se o cenário já estava favorável (porque o Fortaleza poderia até mesmo empatar para avançar), ficou melhor ainda quando Moisés marcou o dele: 2 a 0. No jogo, Moisés levou a melhor contra os marcadores, com mais rapidez e habilidade. Isso fez a diferença. Com a defesa ajustada do Fortaleza, o Colo-Colo tentava principalmente de fora da área, mas Boeck estava inspirado. Aos 44, após cruzamento, Ceballos acabou marcando contra.

Só partir para o abraço
O segundo tempo não foi dos mais fáceis para o Fortaleza. Mesmo marcando com Moisés, de novo, e Pikachu, o time de Vojvoda viu Léo Gil descontar, além de Ceballos, novamente contra. Mesmo com um a mais em campo, não conseguiu ter mais calma até o fim. Foi pressionado, e viu Boeck corresponder bem quando exigido. Nada que tirasse o brilho da noite do elenco.

Moisés, que foi criticado e até xingado após fair play em lance com Nino diante do Fluminense pela Série A do Brasileiro, acabou sendo recompensado. Saiu do jogo com dois gols e uma assistência.

Mais uma vez, Pikachu e Romero também mostraram a importância no momento de balançarem as redes. Com tanta doação, Lucas Lima chegou a quebrar um dente no jogo.

Leave feedback about this

  • Quality
  • Price
  • Service

PROS

+
Add Field

CONS

+
Add Field
Choose Image
Choose Video