julho 3, 2022
Rua Cuiabá, 372, Centro - Camapuã/MS
Politica

Bolsonaro viaja aos EUA para participar da Cúpula das Américas e de reunião com Biden

O avião do presidente Jair Bolsonaro decolou por volta das 22h30 desta quarta-feira (8) para Los Angeles, nos Estados Unidos, onde ele participará da Cúpula das Américas.

Antes do embarque, na Base Aérea de Brasília, Bolsonaro transmitiu o cargo ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), que, até o próximo sábado (11) ocupará interinamente a Presidência da República, já que o vice Hamilton Mourão e o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) também viajaram para o exterior. Mourão está na Espanha e Lira integra a comitiva de Bolsonaro.

O objetivo da Cúpula das Américas é reunir líderes dos países da América do Sul, América Central e América do Norte, para discutir o fortalecimento da democracia na região.

A programação da cúpula começou na segunda (6) e vai até esta sexta (10), mas a sessão plenária com chefes de Estado acontece nesta quinta (9). A comitiva de Bolsonaro deve chegar a Los Angeles por volta das 8h30 no horário local (12h30, no horário de Brasília).

Bolsonaro decidiu participar do encontro dois dias depois de receber no Palácio do Planalto o enviado especial para a Cúpula das Américas do governo americano, Christopher Dodd, e o encarregado de negócios da embaixada dos EUA no Brasil, Douglas Koneff.

Em nota emitida pela Embaixada dos Estados Unidos, Christopher Dodd declarou que, durante a reunião, manifestou ao presidente brasileiro o “desejo de que o Brasil seja um participante ativo da Cúpula” e disse que reconhecia “a responsabilidade coletiva de avançar para um futuro mais inclusivo e próspero”.

Encontro com Biden
O presidente Jair Bolsonaro e o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, se encontrarão em uma reunião bilateral durante a Cúpula das Américas. O encontro, segundo a agenda oficial divulgada pelo Palácio do Planalto, acontecerá na tarde desta quinta em Los Angeles.

Segundo o conselheiro para assuntos da América Latina do governo americano, Juan Gonzales, durante a reunião, Bolsonaro e Biden falarão de temas amplos.

Questionado se o presidente americano conversaria com Bolsonaro sobre o sistema eleitoral brasileiro, o conselheiro para assuntos da América Latina do governo americano respondeu que os EUA confiam nas instituições eleitorais do Brasil.

Bolsonaro tem uma relação distante com Biden. Na eleição de 2020, o presidente brasileiro declarou apoio ao então presidente Donald Trump, derrotado na tentativa de se reeleger. Bolsonaro chegou a afirmar que houve fraude na eleição dos Estados Unidos.

Cúpula das Américas
A Cúpula das Américas é uma tentativa do presidente Joe Biden de reconstruir a relação com países latino-americanos após os anos de Donald Trump, que não participou da última cúpula, em Lima, em 2018.

Entenda por que Biden quer se aproximar de países latino-americanos e saiba quais serão as dificuldades
SANDRA COHEN: Biden e López Obrador, os perdedores da Cúpula das Américas
O evento começou nesta segunda-feira (6), mas Biden só abrirá formalmente o encontro nesta quarta-feira (8).

Segundo autoridades do governo norte-americano, durante o evento, Biden buscará um consenso regional sobre uma nova agenda econômica para desenvolver os acordos comerciais existentes com a América Latina e pretende apresentar um plano para enfrentar a crescente migração.

Ainda, de acordo com as autoridades, o governo americano também pretende se colocar como o principal parceiro econômico da América Latina para neutralizar as incursões da China.

Leave feedback about this

  • Quality
  • Price
  • Service

PROS

+
Add Field

CONS

+
Add Field
Choose Image
Choose Video