julho 3, 2022
Rua Cuiabá, 372, Centro - Camapuã/MS
Politica

Bolsonaro minimiza dificuldades econômicas e diz que é preciso deixar ‘coisas impossíveis’ na mão de Deus

O presidente Jair Bolsonaro (PL) minimizou as dificuldades econômicas enfrentadas pelo Brasil em evento para pastores evangélicos na manhã desta sexta-feira (27), em Goiânia . Bolsonaro disse que devemos deixar “as coisas impossíveis na mão de Deus”.

Ao repetir que “o Brasil é um dos países que menos sofre economicamente” os efeitos da pandemia e da guerra na Ucrânia, o presidente citou que “aqui não tem desabastecimento, temos dificuldades, mas qual é a solução para isso? É a resiliência, é ter fé, é ter coragem, é acreditar”.

“Por muitas vezes, ou quase sempre, dobrar os joelhos, e buscar uma alternativa, pedir uma alternativa. Nós sabemos que temos que fazer a nossa parte, mas as coisas impossíveis deixar na mão de Deus”, afirmou.

Bolsonaro citou a união do público evangélico e disse que não iria comentar os dados divulgados pela Folha acerca das intenções de voto da categoria: “Folha disse que os evangélicos estão divididos. Baseado no Datafolha? Sem comentário”.

O presidente participou de um evento religioso com representantes da Convenção Nacional das Assembleias de Deus do Ministério de Madureira. Após o discurso, ele deixou o templo e foi cumprimentar fiéis.

Mais cedo, ao chegar na capital, o presidente desembarcou no antigo aeroporto e cumprimentou o público que aguardava sua chegada atrás de uma cerca montada no local. Ele parou e tirou foto com os eleitores.

Em seguida, o presidente liderou um passeio de moto com apoiadores até a entrada da igreja Assembleia de Deus. Bolsonaro chegou à igreja, que fica no setor Fama, por volta de 10h.

O político pilotou uma moto levando o deputado federal Major Vitor Hugo na garupa. Ele usou capacete, o parlamentar, não.

Leave feedback about this

  • Quality
  • Price
  • Service

PROS

+
Add Field

CONS

+
Add Field
Choose Image
Choose Video