Início Saúde Decisão da Anvisa suspendeu 75 testes da vacina Coronavac em Campo Grande

Decisão da Anvisa suspendeu 75 testes da vacina Coronavac em Campo Grande

24
0
COMPARTILHAR

Cerca de 75 profissionais de saúde em Campo Grande tiveram a aplicação da vacina Coronavac suspensa, após decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária, nesta segunda-feira (9), de parar os testes em razão de uma morte ocorrida em uma das pessoas testadas.

Segundo a coordenadora de pesquisas da vacina em Campo Grande, a pesquisadora Ana Lúcia Lirio, havia agendamento de 15 pessoas por dia por uma semana. Com a determinação da Anvisa, todos terão de ser remarcados, o que gera um transtorno na organização das aplicações.

‘’Teremos de entrar em contato novamente quando a Avisa liberar os testes’’, comentou Lírio.

Ainda se acordo com Ana Lúcia, interrupções como essa são comuns em todos os ensaios clínicos para verificação de segurança. No entanto, ela destacou a forma como o procedimento foi adotado.

‘’O que chamou a atenção foi terem comunicado o Instituto junto com a imprensa sem pedirem maiores informações sobre o evento’’, refletiu a pesquisadora. Ela acredita que em torno de dois dias a Agência deverá liberar o retorno dos testes.

Anvisa

A justificativa para a interrupção dos testes é a ocorrência de um ‘’evento adverso grave’’, em 29 de outubro, segundo a Anvisa. Até o momento foi apurado que uma pessoa que recebeu a vacina morreu, mas laudo apontou que foi suicídio, sem qualquer relação com a substância da vacina. Conforme o G1, a partir de agora nenhum ser humano poderá passar pelo teste do imunizante.

O Instituto Butantan, que é parceiro do laboratório chinês Sinovac Biotech, afirmou por meio de nota que foi ‘’surpreendido’’ com a decisão da Anvisa e que está apurando detalhes o que pode ter ocorrido com os estudos clínicos da vacina. O Instituto disse ainda que está à disposição das autoridades para quiser esclarecimentos. Os representantes do órgão darão entrevista nesta terça-feira (10).