Início Esporte Análise: decisões erradas apagam jogo consistente e quase tiram o São Paulo...

Análise: decisões erradas apagam jogo consistente e quase tiram o São Paulo da Copa do Brasil

36
0
COMPARTILHAR

Aos 35 minutos do segundo tempo, o São Paulo vencia o Fortaleza por 2 a 0 no Morumbi e tinha a classificação para as quartas de final da Copa do Brasil nas mãos. Foi quando Diego Costa errou um passe no meio de campo e permitiu contra-ataque em que David diminuiu a vantagem do time da casa.

Ainda assim, o São Paulo continuava se classificando – o jogo de ida tinha acabado 3 a 3 – e precisava suportar mais 10 minutos para comemorar. Rogério Ceni, no banco rival, só tinha a opção de mandar seu time pressionar, e foi o que fez.

Ele só não esperava contar com a ajuda do próprio São Paulo. A partir dos 40 minutos, Márcio Araújo, que substituiu o suspenso Fernando Diniz no banco, começou a fazer trocas no time.

Tirou Brenner, autor dos dois gols do São Paulo, e também Gabriel Sara e Igor Gomes. Colocou Léo e Arboleda, que se juntaram a Bruno Alves e Diego Costa num ferrolho com quatro zagueiros à frente de Tiago Volpi.

E o Fortaleza, que pressionava, ficou ainda mais perto do gol são-paulino, já que não precisava mais se preocupar em ser contra-atacado.