Início Internacional Homens encontrados em marina do Japão dizem ser pescadores da Coreia do...

Homens encontrados em marina do Japão dizem ser pescadores da Coreia do Norte

14
0
COMPARTILHAR

Oito homens encontrados perto de uma marina por policiais do Japão na região de Akita podem ser pescadores da Coreia do Norte cuja embarcação teve problemas, e não desertores.

O incidente ocorreu em um momento de tensão crescente em relação aos programas de armas nucleares e mísseis de Pyongyang desde que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reinseriu a nação isolada em uma lista de Estados patrocinadores do terrorismo, o que permite aos EUA imporem novas sanções.

A polícia da província de Akita disse que encontrou os homens na noite de quinta-feira (23) depois de receber uma ligação que reportava homens suspeitos na região costeira de Yurihonjo. Autoridades também encontraram um barco de madeira carregado de lulas em uma marina da região.

Os homens, que disseram ser norte-coreanos, estão em boas condições de saúde e contaram que estavam pescando quando o barco quebrou e foi carregado para a terra. Sinais na embarcação dão conta de que os homens são de Chongjin, uma grande cidade portuária na costa leste da Coreia do Norte, segundo a agência Kyodo News.

Quando indagado se a possibilidade de os homens serem espiões foi descartada, o secretário-chefe de gabinete japonês, Yoshihide Suga, disse em uma coletiva de imprensa que as autoridades estão tratando do caso com cuidado. Suga também confirmou que as autoridades seguem inspecionando o barco.

O Japão – que não tem laços diplomáticso com a Coreia do Norte – está estudando planos para lidar com um possível influxo de dezenas de milhares de norte-coreanos caso uma crise militar ou de outro tipo irrompa na península, e também para eliminar espiões e terroristas entre eles, disse um jornal local.

Na semana passada um soldado norte-coreano desertou para a Coreia do Sul e foi baleado e ferido por militares de seu país enquanto cruzava a fronteira da Zona Desmilitarizada entre os dois países.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here